Em entrevista ao site americano Refinery, dermatologistas explicam como funciona a combinação entre maquiagem, cosméticos e ativos anti-idade.

maquiagem_creme

É um desafio encontrar maquiagem sem proteção solar, existem antioxidantes em praticamente tudo, e mais e mais cosméticos são fortificados com ingredientes como peptídeos, ácido hialurônico e extratos botânicos anti – envelhecimento. Alguns exemplos são o blush da marca By Terry que contém ácido hialurônico, iluminador da Chantecaille com impulsionador de colágeno, gel para sobrancelhas da Tarte que contém peptídeos e batons com antioxidantes da Marc by Marc Jacobs.

Segundo especialistas, mesmo se o produto for aplicado diretamente na pele, ele pode não ser eficaz. É um ponto que o Dr. Ron Moy, dermatologista, cirurgião plástico, e vice-presidente da Skin Cancer Foundation sublinhou: “A maioria dos produtos realmente não tem nenhum ingrediente ativo que realmente funciona, cientificamente”, disse.

“Se você já aplicou um creme espesso ou filtro solar, nada em cima vai ser capaz de penetrar a pele.”
Dr. Dendy Engelman, dermatologista

Dessa forma, portanto, Dr. Moy, e Dr. Engelman ressalvam: “O conceito de ácidos na composição é ótimo em teoria, mas pode secar a pele e pode sensibilizá-la, então você está mais propenso a queimaduras. ” Isso significa, é melhor ter mais controle sobre seus retinóides, como ácidos salicílico e peróxido de benzoíla, que podem ser encontrados na composição de segmentação de acne. ” Eles podem causar mais mal do que bem “, explicou.

Fonte: M de Mulher

Comentários

comentários